Uso de dados em mídia off-line: como está revolucionando a comunicação

O contexto econômico e social em que vivemos afeta o nosso comportamento, inclusive em relação à forma como consumimos. Nesse sentido, o marketing precisa acompanhar as nossas tendências para que consiga se comunicar com o público e cumprir o seu papel.

Por exemplo, desde 2020, por conta da pandemia do coronavírus, começamos a viver uma mudança radical na forma como nos relacionamos com o mundo. E isso, com certeza, afetou a forma como recebemos informações.

Neste artigo, explicaremos quais são as tendências em comunicação e como o uso de dados pode ser importante para o setor de marketing. Acompanhe!

Comportamento e mídia off-line

Desde que o coronavírus se tornou um perigo mundial e a diminuição da criculação de pessoas na rua provocada pela necessidade de isolamento, a TV voltou a ser um instrumento forte de união nos lares brasileiros.

Segundo uma pesquisa realizada pela SKY com seus assinantes, 48% deles indicaram um aumento de cinco horas no seu consumo diário de TV. Além disso, 47% apontaram que buscam canais de notícia para se informar sobre os acontecimentos do mundo.

Essas informações são importantes para compreender que nem só o meio digital deve ser considerado quando o assunto é informação e marketing. A mídia off-line conquistou mais valor para a comunicação com consumidores.

 

O uso de dados para a assertividade da comunicação

Como você deve saber, a pandemia contribuiu fortemente para a alteração da forma de comportamento das pessoas. Com tanta inovação surgindo, impulsionadas por esse novo cenário, prever comportamentos tem se tornado cada vez mais difícil.

Por isso, o uso de dados tem se tornado uma grande tendência para os seguintes processos do planejamento de mídia:

– Criação da mensagem

– Definição de grade,

– Mensuração de resultados

– Otimização de investimentos.

Afinal, com as grandes transformações que estamos vivendo é preciso ir além do que é tradicional em relação aos processos de investimentos em mídia off-line.

Para desenvolver um plano de marketing assertivo é essencial avaliar o engajamento por meio de métricas de performance, como é possível fazer pelo Analytics, por exemplo.

Isso porque essa análise baseada nos ajuda a criar indicadores que estejam de acordo com a marca e definir um plano otimizado por meio das informações geradas e coletadas.

 

É preciso usar a comunicação de forma estratégica

Olhar para os dados sobre sistêmico sobre os dados será um grande aliado para obter insights valiosos, não só para as estratégias digitais, como para as mídias off-line. Isso porque o Google Analytics fornece informações sobre como o público consome.

Integrar esses dados e informações na estratégia de mídia da sua empresa é uma forma de promover inteligência empresarial.

É preciso desenvolver essa inteligência, pois como vimos, o aumento de consumo da TV e a atual variedade de formatos e meios para o marketing abre o leque de possibilidades para a comunicação com o público.

Dessa forma, usar dados do Analytics para o planejamento da mídia off-line é um passo inovador, que traz muitas vantagens como produzir campanhas mais assertivas, ao avaliar o engajamento esperado do público; as agências garantem a boa performance das campanhas e aumentam o valor gerado a seus clientes; e as empresas atingem seus objetivos de negócios de forma estratégica.

 

Não fique de fora dessa tendência!

Se o plano da sua empresa é atingir o seu público, acompanhando as mudanças comportamentais e de consumo do mercado, não deixe de aproveitar o uso de dados!

Posts Relacionados